Avé-maria

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco!
Bendita sois Vós entre as mulheres, e bendito é o fruto do Vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora da nossa morte.
Ámen.

terça-feira, 24 de maio de 2011

Sacrifício válido

Fui peregrina de Fátima, a pé, durante 9 dias. Vivi muitas emoções, por vezes contraditórias, mas com uma certeza fiquei: quando alguém diz que ir a pé a Fátima é inútil, que Deus não quer que soframos e nos sacrifiquemos, é mentira. Nem que sejam pessoas da Igreja a dizê-lo, é mentira.
Deus quer e aceita os nossos sofrimentos e sacrifícios, quando são oferecidos e sofridos com paciência, e nos caminhos de Fátima sofre-se muito, sim, sem dúvida, mas também é certo que há a mão de Deus e de Nossa Senhora a dar apoio aos peregrinos. Eles sofrem mas aceitam esses sofrimentos e só querem cumprir as promessas validamente, para agradecer ou pedir as graças à Mãe do Céu. E Nossa Senhora a todos abençoa.
Ela disse aos três pastorinhos: oferecei constantemente a Deus orações e sacrifícios. Por isso, afirmar o contrário não só é mentira como é uma heresia.
Em Fátima há uma força divina que se respira, que se sente. E isso vem, para além das orações que lá se rezam diariamente, dos grandes sofrimentos e dores dos peregrinos, que sofrem com paciência e amor as grandes dificuldades da caminhada.
A força desse sofrimento, oferecido a Deus de espontânea vontade, e as orações que se rezam diariamente em Fátima, seja na Capelinha, na Basílica, na igreja da Santíssima Trindade, nas capelas da Ressurreição, Reconciliação ou outras, ou nos Valinhos, chega ao Céu e por isso sente-se que Deus está ali, que uma força une a Igreja peregrina de Deus. Deus está em Fátima.
Fátima não é uma fantasia ou um conto de fadas, muito menos um embuste. Fátima é uma realidade. Simplesmente uma realidade.
E pobre de quem não consegue ver isso.

2 comentários:

AnaCristina disse...

parabens Felipa!!

Filha de Maria disse...

Que belissima partilha. Que bom... que vivência tão rica!

A Paz de Cristo